Ricky Garard pede desculpas a Mat Fraser

A empolgação de ter vencido Mat Fraser no workout Nasty Nancy no CrossFit Games é justa. Afinal, não conseguir bater o imbatível não tem como não empolgar. Porém essa empolgação pegou um pouco mal para o australiano Ricky Garard.

O atleta que está banido até o ano que vem por ter sido pego no doping, finalizou a prova com o tempo de 17:43, sete minutos a menos que Fraser. Com o resultado de todos os workouts do Games o australiano conseguiria, segundo ele, a última vaga para a segunda fase do evento. Porém com a empolgação ele postou os dizeres: “Espera por mim *****. Estou chegando. @mathewfras, em palavras mais educadas, por favor, não se aposente. Eu quero competir contra o melhor de novo”.

Porém a brincadeira acabou pegando mal e muitas pessoas atacaram ele. Pensando nisso, o atleta resolveu usar suas redes para pedir desculpas sobre o ocorrido. Além de dizer que tudo não passou de um mal entendido regional. Com isso, o atleta ainda explicou que a empolgação de vencer o melhor do mundo acabou acendendo a chama de voltar para o Games. Entretanto, ele ressaltou que de maneira alguma sua colocação tenha sido de fato para agredir Fraser pessoalmente.

” Eu não tenho nada além de respeito pelo que @mathewfras alcançou no CrossFit. Só espero que ele ainda esteja competindo quando eu voltar para a temporada de 2022, porque quero outra oportunidade de competir contra ele”, postou em seu Instagram.

Veja na íntegra o post de Ricky Garard

Houve muitas opiniões e controvérsias sobre meus atos após meus esforços na “Nasty Nancy” no fim de semana. Só quero esclarecer que foi um momento muito empolgante para mim depois que percebi que tinha batido o tempo de Mat Fraser por alguns segundos, peço desculpas a todos que não entendem como usamos a palavra c ** t na Austrália .

Ao perceber que ainda era capaz de uma atuação como essa, acendeu um fogo na minha barriga! Foi uma grande liberação de emoções com a qual tenho lidado nos últimos três anos. Posso ter exagerado, mas garanto que não foi um ataque pessoal contra Mat. Foi puramente uma reação profunda dentro de mim perceber que ainda tenho forças para perseguir meu sonho de ser o “Fittest On Earth”, no qual coloquei meu coração e minha alma nos últimos seis anos. Tenho lutado muito mentalmente para manter este sonho e o fim de semana passado finalmente o fez parecer mais perto do que nunca.

Para as pessoas que me conhecem e que estiveram ao meu redor, elas entendem minhas emoções, minha paixão e meu desejo que demonstrei no fim de semana. Sou um competidor feroz e tenho sido toda a minha vida!

Eu não tenho nada além de respeito pelo que@mathewfrasalcançou no CrossFit. Só espero que ele ainda esteja competindo quando eu voltar para a temporada de 2022, porque quero outra oportunidade de competir contra ele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *