Yuri Carvalho: “sou muito feliz com a escolha que fiz”

Ele acabou se tornando um dos destaques no Wod Live. Não por ter vencido o programa, mas sim por todo seu carisma e animação. Yuri Carvalho acabou ganhando destaque nos momentos de treino e descontração durante o programa é, com toda a certeza, acabou se tornando um dos atletas mais brincalhões da atualidade. O goiano teve uma rápida conversa com a nossa equipe para falar um pouco de sua carreira dentro do esporte, sua recém mudança para a cidade de São Paulo e como pensa um dos grandes nomes da atualidade no esporte. Acompanhe a nossa entrevista e conheça um pouco mais do atleta que parece não ter tempo ruim nunca.

Quem é o Yuri Carvalho e como conheceu o CrossFit?

Um cara de família humilde que venceu na vida e que luta pelo que acredita. Foi através do judô, eu usava o CrossFit como preparação física para me preparar.

Quanto tempo demorou para atingir o nível de Elite? Como é seu dia a dia de treinamento?

Acho que desde o início, um total de seis anos. Para o treinamento, faço dois treinos por dia em média de duas horas em cada sessão.

Você assim como muitos atletas, não só da luta, era atleta de judô e migrou para o CrossFit. Por que isso vem acontecendo? Você pensa em voltar para os tatames?

Na verdade eu era do Judô, já pratiquei Jiu-jitsu também. Mas acho que é o desafio, de todos os dias encarar uma prova nova. Assim como fazemos nós tatames, todos os dias enfrentamos novos adversários. Às vezes penso sim em voltar, mas não tenho nada definido sobre isso.

Como é ser atleta de CrossFit no Brasil?

Gosto bastante e sou muito feliz com a escolha que fiz. Acho que é um esporte que está crescendo e tem muitas oportunidades financeiras como patrocinadores e apoiadores.

Como é a sua alimentação?

Sou um cara que tenho muita dificuldade em comer, como pouco comparado ao que preciso. Mas procuro sempre me alimentar bem, não sigo dieta 100% porém como bem.

Como foi participar do reality, Wod Live? Depois dele, você passou a ser mais conhecido, você acredita que o programa foi um impulsionador da sua carreira?

Foi uma experiência incrível, conviver e entender o dia a dia dos atletas ali. Aprendi muito, como fiz bastante amizades. Acho que sim, mas esperava mais.

Você acabou ganhando fama de brincalhão dentro do CrossFit, você de fato é assim?

Sim, esse é o jeito que tento levar a minha vida. Sou feliz por todas as oportunidades que tive e grato por onde cheguei.

Hoje você mudou para São Paulo, porém antes você estava no Rio de Janeiro. Qual o motivo da mudança? E como está a sua adaptação?

Sou goiano, porém morei no Rio por quatro anos, onde fui morar por conta do judô. Sempre tive vontade de vir para São Paulo, principalmente pelas oportunidades que aqui tem, recebi uma proposta de patrocínio e emprego, com isso acabei vindo para São Paulo. Minha adaptação está muito boa, me acostumando com a correria do dia a dia. Porém muito feliz de estar aqui.

O seu romance com a Caro Hobo caiu no gosto dos fãs. Essa exposição te incomoda?

Não, nem um pouco. Até porque temos um vida de exposição dentro da nossa profissão.

Quem são seus patrocinadores?

São a Farma Nunes, o Burpee Brasil, Team Novazzi, Hopper Nutrition e Atleta Campeão. Tenhos dois, o Éder Costa e o Guilherme Belém.

Como você vê o futuro do CrossFit no Brasil?

O CrossFit é um esporte que vai crescer bastante. Por isso, vejo um futuro muito bom lá na frente.

Deixe um recado para os seus seguidores.

Curta cada momento da sua vida, sem querer pular etapas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *